Hacking Health

Let's create the future of health today. An 18 hours challenge focused on creating technological solutions for the health ecosystem

  • 86 Participants
  • 60000 Invested
  • 10000 Uninvested

Industries

  • Health

Visão Geral


A transformação radical que a digitalização impõe ao mundo tem tido efeitos profundos e duradouros em praticamente todos os aspetos das nossas vidas.

Estudos evidenciam que o setor da saúde está entre os menos digitalizados. Esta situação contrasta com a rápida adoção das tecnologias digitais por parte dos consumidores nas diferentes dimensões da vida, o que torna hoje o consumidor de cuidados de saúde numa das principais forças motrizes de mudança no setor.

Por outro lado, Portugal enfrenta atualmente grandes desafios para a saúde: envelhecimento da população, redução da natalidade, aumento do número de doentes crónicos e aumento da despesa.

Como tal, a oportunidade digital na saúde é de longo alcance e de grande impacto.

Este Hackathon de 18h pretende ser impulsionador na criação de novas soluções. O intuito é criar equipas de 3 a 4 pessoas que sejam capazes de construir um protótipo funcional num dos desafios tecnológicos:

  • Microsoft - Machine Learning
  • Oracle - ChatBots, Analytics, Java and Autonomous Database
  • Outsystems - Mobile and Web

Desafio


Com tecnologia melhorar o acesso a cuidados de saúde e aumentar a sua eficiência.

  1. Sistemas inteligentes de triagem e avaliação da necessidade de recorrer a cuidados de saúde;
  2. Garantir que o plano de tratamento é cumprido;
  3. Implementar o conceito de Coach Virtual de Saúde;
  4. Medir a qualidade dos serviços de saúde prestados na ótica da pessoa.

Fase de maturidade tecnológica das soluções apresentadas

  • Para este hackathon consideramos que as soluções devem chegar à fase de protótipo funcional. Representam um modelo criado para testar a viabilidade e a prova de conceito. Poderá ser um mock-up limitado, baseado em texto ou desenho, ou um protótipo baseado em código mais sofisticado, dependendo da complexidade do projeto e das tecnologias com as quais foi criado (Oracle, Microsoft ou Outsystems).
  • A principal diferença do protótipo e do MVP (Minimum Viable Product) é que o último é um produto viável, enquanto o primeiro é mais uma representação visual de software. Não pretendemos que os participantes cheguem à fase de MVP dada a curta duração do evento.


Partners

Microsoftaltoutsystems


Sponsors






Sponsors Campus

FCT    NEBM    NEIIST WAPEF



Informações Complementares

alt


Siglas

  • ODA: Oracle Digital Assistant (chatbots)
  • ADW: Oracle Autonomous Data Warehouse (repositório de dados)
  • OAC: Oracle Analytics Cloud (exploração de dados)

A sugestão é que leiam a componente de Learning do ODA e experimentem a Sandbox do OAC para exploração de dados por meio de visualizações interactivas, carregarem dados, façam modelação e análise criando relatórios e painéis.

ODA Several cookbooks and articles: https://blogs.oracle.com/mobile/tech-exchange


Documentation

Segue uma lista de recursos onde poderão começar. Algumas notas, sobre os mesmos:

Encontram muito mais conteúdo no Microsoft Learn além dos Learning Paths, será uma questão de procurar consoante o tipo de conhecimento que queiram aprofundar. 


Não é, de todo, necessário fazer todos estes módulos, devem escolher os relevantes nesta fase:

  • #1 – para construção de Bots e agentes
  • #2 – caso queiram utilizar a nossa Pre-Built AI através de serviços cognitivos – API’s REST
  • #3 – Azure Databricks
  • #4 – Azure Machine Learning services, que é o nosso orquestrador de ML

#1 Azure Bot Service

#2 Azure Cognitive Services

#3 Azure Databricks

#4 Azure Machine Learning Service


outsystems

Os participantes que não tenham utilizado Outsystems, nomeadamente Estudantes Universitários, poderão criar uma conta pessoal para começarem a aceder aos conteúdos e poderem praticar antes do dia do evento.


Formações online

Copyright © 2021 All rights reserved. TAIKAI — Hackathon Platform.