Autismo Tech

O Autismo Tech tem como objetivo promover a empregabilidade da comunidade neurodiversa através da inovação e educação. Esse projeto é organizado pela startup aTip e pelo centro universitário FIAP, sendo co-realizado pela Inclusão Humanizada.

  • 75 Participants
  • 80502 Invested
  • 5997 Uninvested

Industries

  • Education
  • Health

Propósito


O propósito do Autismo Tech é realizar capacitações e hackathons como plataformas de transformação social, empoderamento e inclusão com protagonismo.


Missão


A missão é aumentar a inclusão de pessoas neuroatipícas no mercado de trabalho através da tecnologia.


Jornada


Essa jornada começou no final de 2018 quando o Centro Universitário da Fiap criou a Challenge Autismo, um hackathon para a inclusão da pessoa autista na sociedade, um prisma mais amplo do que aquele que temos hoje, e que aconteceu no CAISM Philippe Pinel, apresentando, mesmo que ainda não soubéssemos, um alto grau de ineditismo, disruptividade e que pavimentou o caminho de futuro.


Ali tivemos mais 150 pessoas inscritas, 40 participantes selecionados e 9 projetos entregues, dentre eles a ideia que deu origem ao que hoje é a aTip, startup que também tem como objetivo aumentar a empregabilidade de toda comunidade neuroatipíca.


Em 2019 realizamos meetups e validamos o foco de pensar nas pessoas neuroatipícas em sua vida adulta e como potencializar contextos de inserção delas nas empresas.


Já em 2020, durante a pandemia, aTip e Fiap uniram-se para tangibilizar esses aprendizados, transformando o que era um hackathon no movimento Autismo Tech.


Em setembro desse mesmo ano foi realizada a 2ª edição do projeto, e o desafio como comentamos acima foi mais específico: soluções digitais para inclusão de pessoas autistas no mercado de trabalho.


E agora, neste ano de 2021, ampliamos o escopo para gerar mais impacto a partir de 3 trilhas de educação digital de carreiras em tecnologia, fechando a jornada com um hackathon que será para as pessoas que passaram pelas trilhas (60) mais pessoas inscritas aqui nesta base de dados (90).


Impacto


Na primeira edição tivemos 40 pessoas participantes, mais de 150 inscritas, 9 projetos entregues.


Já na segunda, foram 600 pessoas inscritas, 96 participantes, 42% delas autistas, 14 estados representados, muito protagonismo da comunidade neuroatipíca e 15 projetos entregues.


Negócios e projetos reais, além de contratações


Alguns dos projetos realizados ou consolidados dentro das edições do Autismo Tech, tornaram-se negócios reais e seguem adiante como o Startista, Austic, aTip e Inclusão Humanizada, essas duas últimas citações, inclusive, co-realizam o projeto junto a um ecossistema de parceiros, da própria comunidade neuroatipíca representada desde a organização, passando por pessoas embaixadoras, community manager, além de engajamento de mais de 30 empresas fortalecendo a pauta da inclusão com protagonismo.


Outro ponto relevante é a contratação efetiva de pessoas autistas, realizada por empresas como EY e ZUP, por exemplo. 


Hackathon Autismo Tech


Inovação com propósito e soluções inovadoras. 


Desafio


Os times terão liberdade criativa para gerar protótipos de soluções digitais de impacto social em qualquer área e destinado a qualquer pessoa.


Times


Serão formados times multidisplinares de, no máximo, 6 pessoas. 


Inscrições e Datas


Poderão ser individuais, em grupos completos e incompletos, nós da organização daremos suporte na integração e consolidação dos times. 


As inscrições para o hackathon irão abrir no dia 05 de julho e se encerram dia no dia 29 de agosto.


O hackathon será realizado entre os dias 04 de outubro e 10 de outubro.



Copyright © 2021 All rights reserved. TAIKAI — Hackathon Platform.